Seu browser não tem suporte ao JavaScript!
Recursos de
Acessibilidade:  
Tecle Alt+1 : ir ao conteúdo Tecle Alt+2 : ir ao mapa do site Texto menor Texto maior Contraste                 
Piraju, 17 de dezembro de 2017



Imagem Noticia para indexar no facebook
Data: 09/09/2017 Hora: 09:23:58
Denilton Bergamini apresenta ‘Moção de Apelo’ em favor da preservação do trecho de corredeiras do Paranapanema em Piraju

Por Cristiano Amorim

O Presidente da Câmara de Piraju, Denilton Bergamini com o apoio de todos os Vereadores aprovaram na última terça-feira (5) uma "MOÇÃO DE APELO" ao Deputado e Presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara Federal, Nilto Tatto pela não construção de uma nova usina na ultima calha natural do Rio Paranapanema.

Bergamini autor desta propositura solicitou que esta Moção seja encaminhada às Câmaras Municipais de Tejupá, Sarutaiá, Timburi, Bernardino de Campos, Santa Cruz do Rio Pardo, Cerqueira Cesar, Avaré, Taquarituba, Itaí, Ipaussu e Chavantes, solicitando apoio dos Parlamentares da região.

No último sábado do mês de agosto (26), diversas autoridades, convidados e demais pessoas estiveram presentes em evento realizado no Iate Clube de Piraju, visando preservar para as gerações futuras os últimos 7,5 km da calha natural do Rio Paranapanema. Em seguida a população fez um "abraço simbólico no Rio Paranapanema", indo do local da realização do evento até a ponte Eng. Nelson de Godoy.

"Tatto esteve presente no evento e sugeriu esta medida, pois consolida no meio político a manifestação da região, quanto a proibição da construção de uma nova usina geradora de energia elétrica em trecho do Rio Paranapanema. Ele mencionou que este assunto vem sendo discutido a um bom tempo, inclusive o Deputado Federal Milton Monti, apresentou o Projeto de Lei 7.324/2017 que dispõe sobre a proibição de construção de usinas hidrelétricas no Rio Paranapanema, que aguarda parecer do Relator da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável", explicou.

Depois da aprovação em plenário, o documento deverá ser despachado às Câmara das respectivas cidades mencionadas no início desta matéria.                    


melhor utilizado Firefox - Chrome - Ie9 ou superior